Inimigo do povo (2009)


Sete Cabeças conta a história dos sete pecados. Só que Bruno, o diretor da peça, queria diferenciar e preferiu privilegiar a questão filosófica em detrimento da religiosa. “Gosto de questionar o porquê das coisas”, conta o diretor, que sempre se pergunta se as pessoas são julgadas erradas são mesmo erradas. “Será que outra pessoa naquela situação teria outra atitude? Será que não é nosso modo de enxergar as coisas que está errado?” O espetáculo tenta responder esses questionamentos.